domingo, 17 de agosto de 2008

O "Miúdo" Di Maria.

Jogou-se em Pequim, o acesso às meias-finais do torneio Olímpico, o jogo de futebol entre as selecções da Argentina e da Holanda.

Seria, para nós portugueses e benfiquistas, um jogo com o interesse de outro qualquer se na selecção da Argentina não jogasse um miúdo de uma classe indesmentível de sua graça: DI Maria.

Porquê falar no DI Maria e não noutro jogador? Simplesmente porque DI Maria é jogador do Sport Lisboa e Benfica.

Titular, fez DI Maria uma exibição de alto gabarito, só suplantado pela Super-Estrela Messi, o qual, fez o 1.º golo e, fez um passe magistral para o DI Maria, que também eximiamente marcou o golo da vitória, quando já se jogava o prolongamento (105 minutos) e as hostes da selecção Albi-Celeste desesperavam. Do seu fabuloso pé esquerdo saiu o remate que não deu qualquer hipótese ao guarda redes holandês.

Depois de aos 14 minutos, Messi, ter inaugurado o marcador, com um grande golo, aos 36 minutos, Otman Bakkal, empatou para a Holanda, mas DI Maria mostrou-lhe como é que se joga futebol e se marca golos decisivos pela importância.

Seguem-se as meias finais com o Brasil, onde acredito que o nosso grande jogador DI Maria irá mais uma vez brilhar e ajudar a sua selecção no rumo à final.

Com um jogador desta categoria e outro da classe comprovada como é Reyes, quem precisa de uma CEBOLA “podre” e de carácter vendido? Obviamente que, ninguém.

Estou ansioso pelo seu regresso ao Glorioso, antevendo uma frente de ataque com Reyes do lado esquerdo, Óscar Cardoso na frente, e DI Maria pela direita, bem apoiados pelo Aimar nas costas do avançado.

Será certamente de arrepiar para gáudio dos nossos corações.

Venha de lá o campeonato

Sem comentários:

Publicar um comentário

Todos os comentários menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...