domingo, 28 de março de 2010

O BENFICA SOMOS NÓS

Ontem mais um jogo, mais uma brilhante vitória do Benfica, em jogo contra o Braga, 2.º classificado da liga Sagres, em que o score mostrava no final: Benfica 1 . 0 Braga
Com esta vitória aumentou o Benfica a sua vantagem em relação ao Braga para seis pontos.
Sabemos que não ganhámos (ainda) o campeonato, mas demos um passo importante no rumo que traçámos no inicio da época que visava (e visa) essa conquista.
Temos uma equipa fantástica. Todos unidos em torno do CLUBE, desde jogadores, treinador(es) direcção, outros funcionários, adeptos e sócios.
Nós só queremos um BENFICA CAMPEÃO.
Aconteceu mais uma jornada de glória para o Benfica, e entre os benfiquistas.
Não só no jogo, facto importante e principal, mas também no convívio que só os benfiquistas sabem ter.
Pelas 12:30 reuniram-se na Catedral, junto à estátua do Eusébio, alguns indefectíveis benfiquistas, entre os quais três mulheres lindíssimas e de uma simpatia impar, a margaridabenfiquista, (qual FLOR perfumada e majestosa) a LuaSLBenfica (um monumento só existente no imaginário do homem) e a luazinha (calma que…).
Esta última, olhando à sua beleza exótica e sorriso sempre franco e aberto, alegria contagiante, tinha sempre um olho vigilante sobre si de um gajo chamado maestro, o qual, cada vez que se aproximavam dessa (sua mulher) lá vinha ele, qual Steward, para que ninguém se atrevesse a meter adubo ("revista" com o olhar) em seara alheia. Não tem razão o maestro.
Porquê?
Simplesmente porque a luazinha, mulher fina e elegante, só tem olhinhos para o seu mais que tudo. É um casal lindíssimo sem qualquer dúvida, a quem desejo e auguro as maiores venturas.
Estiveram também presentes o Viriato de Viseu, o Éter, O Manuel Oliveira, o NunoSalta, o Pedro Cruz – fotografo da foto em epigrafe – o seu pai, um primo e um encantador menino, o David. (filho do Pedro Cruz). É um pai badado o Pedro Cruz. E tem razões para isso. Um beijinho para o David.
No restaurante, onde almoçámos (bem) e fomos enganados pelo Viriato de Viseu, pois todos contavam que fosse ele a pagar o conta, mas à última da hora baldou-se, e tivemos que a pagar entre todos, juntaram-se a nós um grupo de rapazes e uma menina lindíssima e não menos simpática que as outras meninas já referidas, de uma índole benfiquista acima de qualquer suspeita, os quais, fazem e compõem o blog Magalhães-SAD-SLB, da bonita cidade da Amadora.
Um deles é "cantor". Cantava em voz sublime, forte e timbrada, hinos de louvor e apoio ao Benfica que a todos contagiava e que formavam o coro (tão desafinadinho...). Claro que o vinho especial da adega da casa fazia de acompanhamento, qual jarro da melhor música.
A outro deram a ler uma oração benfiquista feita e orquestrada em noite de belo prazer cultural, pela margarida, que o "rapaz", barbas brancas e encaracoladas de vida, não conseguiu acabar de ler. Enquanto batia no peito, em sinal de cruz, entrou em soluços, lágrimas puras e sinceras brotavam dos seus emocionados olhos, escorrendo em catarata pelas suas faces.
Ao lado encontrava-se o Viriato de Viseu, que como bom benfiquista que é, logo lhe ofertou um guardanapo a fim de que as lágrimas super valiosas pelo sentimento não caíssem sobre o solo e a “cheia” não tivesse lugar. Era pranto sentido.
Mais tarde, antes do inicio do jogo, junto às roulottes apareceu o pai e um irmão da luazinha. Gente bonita e boa.
Reparei que o maestro estava um pouco atrapalhado, bastante e notado nervoso, pois beber 19 imperiais seguidas, em cuja tarefa se juntou o primo Filipe, os amigos GM e Prl-águia-indomável, (acompanhado pela sua lindissima princesinha) e ver aparecer o sogro a quem, segundo rezam as más línguas, havia, qual santo rapaz, jurado a pés juntos que não bebia bebidas alcoólicas, não seria o melhor "cartão" de apresentação.
Pois pois. Antes de “caçar” a luazinha, direi eu.
Sei que me esqueço de alguns amigos. Mas eles saberão compreender que eu, não sendo um indefectível, também estava lá, não o faço por mal. É que depois do almoço, comer um courato e beber algumas imperiais, cerca de …, logo eu que não costumo beber bebidas com álcool, “apagou” um pouco a minha fraca memória
Não vou falar relativamente à azia do Dominguinhos Paciência após o terminus do jogo.
Acham que devemos ligar a isso depois do que aqui foi inserto?
.
Para ele uma e só frase:
VIVA O BENFICA

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...