sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Ano Novo ... o mesmo sonho

Terminado o Ano de 2009, ganham-se forças para enfrentar o Ano de 2010.

O Ano desportivo que é aquele que mais me/nos interessa ficou marcado por diversas nuances. Ganhamos a taça da Liga e logo contra os lagartos o que os deixou com uma azia tremenda.
No defeso muitos benfiquistas, embora confiantes, “lutaram” muito no jogo de palavras, no que concerne à contratação de Jorge Jesus para treinador do Benfica. Uns concordavam, outros nem tanto.
Fui daqueles que sempre defendi a sua contratação e até hoje não me arrependo da minha convicção.
Vieram novos jogadores, alguns a que muitos chamaram "velhos e acabados" e hoje mostram a sua valia pelos relvados de Portugal e da Europa.
O Glorioso, dando "voz" à celebre frase: “Comigo o Benfica vai jogar o dobro” fez, na sua grande maioria, jogos de encantar.
Poderia aqui falar de n fatores que tivessem marcado o ano desportivo do Benfica, que ainda não terminou, mas refiro-me ao ano civil, mas para mim um deles foi o mais marcante:

A vitória do dia 20 de Dezembro contra o Portoregional.
Tivemos no fim de semana imediatamente antes, um jogo muito complicado em Olhão, contra a equipa local. Empatamos 2-2. O resultado, embora importante, não foi para mim o fator mais marcante do jogo. Foi sim a forma como o Olhanense se apresentou a jogo.
Com um treinador portista mais metade da equipa da mesma cor, fez o Olhanense um jogo, onde a provocação aos jogadores do Benfica foi o intróito principal.
Tudo foi feito na base de que os jogadores do Benfica caíssem na “ratoeira” e fossem expulsos para que não jogassem contra o Portoregional.
Desde o puxão de cabelo ao David Luiz, à provocação constante ao Oscar Cardozo, ao David Luiz, ao Fábio Coentrão, ao DI Maria, entre outros, tudo isso na prespectiva de que, a maioria dos jogadores, não pudessem dar o seu contributo à equipa no jogo seguinte.
DI Maria foi na onda e logicamente acabou ... expulso.

Uma parte estava feita. Com a lesão do Ramires, a “coisa” ficou mais completa. Era a voz da submissão a fazer e dar seguimento à “encomenda”.
Dia 20DEC2009, aproxima-se e, o Benfica com vários jogadores importantes sem poder jogar.
Aimar, DI Maria, Fábio Coentrão, Ramires, eram, em princípio, “cartas” fora do baralho.

Jogo difícil esperava-se para o Benfica.

Do lado opositor a ARROGÂNCIA era o mote que se lia e via nos sorrisos dos portistas.
Dia 20Dez passamos para a frente, tudo volta ao normal, vamos enviar o benfas para a falência, vamos arrasar Lisboa, vamos mostrar o nosso poderio, bem como, lhes vamos mostrar que ainda não jogaram com uma equipa a sério.

Estas, e muitas outras análogas, as frases que se liam pela blogosfera e imprensa avençada. A derrota do Benfica era um dado adquirido.

Jorge Jesus, calmamente, montou a sua armada. Uma armada guerreira, onde a vontade, sacrifício (Ramires), inteligência táctica, suor e benfiquismo, aliada à força daqueles que em noite de temporal, foram ao Estádio, de coração vermelho de esperança, e daqueles que ficaram em casa, mas, fazendo da força mental o guia direcionado ao Estádio da Luz, fizeram com que, de forma BRILHANTE, o Benfica tivesse ganho o jogo por 1-0.

Os adeptos e os jogadores do Benfica mostraram ao Mundo que a ARROGÂNCIA não é a sua forma de estar no futebol nem de se apresentar em campo.

Ao contrário e todos o sabemos, até aqueles que andavam (e andam) distraídos com outras cores (como é possível?) puderam constatar uma vitória da HUMILDADE sobre a ELAÇÃO, dos menos preparados no intelecto desportivo
Poderia aqui realçar as exibições de alguns jogadores do Benfica, apenas porque, ou vinham de lesão ou têm jogado menos. Não o vou fazer, porque sei que os benfiquistas sabem a quem me refiro.
Prefiro aclamar os jogadores pelo seu todo, pelo seu conjunto labor, pela classe demonstrada, pelo querer, pelo seu altruísmo de vontade, pelo suor que deixaram na camisola, nessa noite chuvosa de 20DEC2009.
Entramos em 2010. Novos jogadores, mais alternativas, mas sempre o mesmo desejo, a mesma vontade, o mesmo labor, o mesmo sonho.

SERMOS CAMPEÕES NACIONAIS.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...