quarta-feira, 30 de março de 2011

Mais do mesmo do "rascord"

O rascord não acerta uma, sobretudo quando tenta prever o futuro económico e financeiro do Glorioso, porque será? Ainda por cima, eles têm lá, no grupo, um jornal de Economia, cheio de gente que deveria ser capaz de ler um Balanço e um “Relatório & Contas”, mas … nem assim lá vão, será por acaso? Ainda para cúmulo, um desses “especialistas”, o meu Colega e Amigo Camilo Lourenço, é um Benfiquista confesso, pelo que deveria ser consultado pelos imbecis amestrados do rascord, a ver se conseguiam evitar esta catadupa de bacoradas. Tanto mais que o CL também é um reconhecido anti-Vieirista e apoiante do vosé jeiga e tanto mais quanto ele, o CL, já se fartou (em 3 ou 4 anos consecutivos) de afirmar, quer na TV quer nos jornais, que “o Benfica tem de vender” e … o Benfica a comprar. Enfim, o rascord mente e não o faz nem por acaso, nem por incompetência, nem por falta de quem saiba fazer contas de simples aritmética! Eu sou frontalmente contra jogos “a dinheiro”, “apostas desportivas” e tudo o que se lhe assemelhe. Na minha carreira profissional, quer como “empresário por conta de outrem” quer por conta própria, nunca “apostei” em nada que não soubesse ser certo. Ainda assim, compreendo esta “aposta” do rascord e de todos os Benfiquistas que servem de caixas de ressonância a tudo e qualquer coisa que lhes sirva para atacarem os que Nós elegemos, reelegemos e “rereelegemos” para dirigir o Nosso destino colectivo. Compreendo e vou explicar-vos nos termos mais simples possíveis. 1) Já é indesmentível (após a queda do Governo) que Portugal terá de pedir o “resgate financeiro”; 2) Todos devem saber que esse “apoio” (com a “cartilha FMI”) vai, entre outras consequências, conduzir a uma redução drástica do nível de crédito à economia (Particulares e Empresas); 3) Foi amplamente divulgada a decisão (unânime) da AG da Benfica SAD autorizando uma eventual emissão de 50ME em “papel comercial”; 4) Também é do conhecimento universal que a Benfica SAD acumulou, em três anos passados, resultados negativos superiores a 50ME; e 5) Embora os imbecis amestrados da mérdia ainda não tenham a certeza, nem tenham sequer percebido como isso foi possível, eles já sabem que a Equipa vai ser reforçada com vários Atletas para a próxima época. Considerando estas razões e somando-lhes o facto de os imbecis e amestrados terem de escrever e falar do Glorioso, sob pena de ficarem com salários (e avenças) em atraso, eles estão todos a entrar em pânico porque já perceberam (felicitações) que, nos meses do próximo defeso, já ninguém lhes vai ligar quando publicarem nomes de “novas aquisições” para o Benfica. Ora como acontece que lhes encomendaram a maior desestabilização possível do Glorioso (sobretudo dos Adeptos) … Já perceberam? Tratem de somar 2+2! Isso mesmo: toca a escrevinhar sobre … “vendas”! E “vendas” até que montante? 50ME, obviamente! (e se tivermos a felicidade de vermos a Equipa a “devolver” o resultado da primeira volta no ladrão, então é que os imbecis amestrados nunca mais largam estes algarismos como “fetiche”, ahahaha). Mas, todos sabemos, ainda há mais … Sabe-se do enorme e justificado interesse que o Fábio continua a despertar nos Clubes mais ricos da Europa, tal como se conhece que a sua saída vai custar ao comprador 30ME. Ora, 50 menos 30 … já só faltam 20. E se a Benfica SAD entender “dispensar/vender” uma meia dúzia (gorda) de Atletas dos menos valiosos, é bem possível que se realizem os valores dessa segunda “parcela”, permitindo aos imbecis amestrados … clamar “vitória”. Sem querer castigar-vos com uma análise contabilística, vou reafirmar o que qualquer aluno de Economia pode inferir da leitura do último R&C da Benfica SAD. A) Depois da venda do Luiz ficou garantido que o final do exercício corrente (30 de Junho) mostrará um substancial resultado positivo (resultado esse que passará a “muito substancial” em caso de presença na final da UEFA). B) A Benfica SAD não tem exigível (bancário) de curto prazo significativo. C) Com ou sem FMI, a Benfica SAD já demonstrou à saciedade que é (a única) capaz de se financiar em moldes eficientes e credíveis. D) O Benfica Stars Fund não só tem disponibilidades para investir, como a quota (15%) que nele detemos tem compradores interessados, além de que, caso o Glorioso quisesse, há investidores interessados num eventual alargamento do fundo. E) A Benfica SAD, AG de Accionistas e Administração, estão firmemente comprometidos com a estratégia há muito definida e essa passa pelo reforço da Equipa e pela manutenção de todos os Atletas mais valiosos que não sejam objecto de “ofertas irrecusáveis”. Ou seja: o rascord mente, mente intencionalmente, tal como mentem todos os que lhe quiserem fazer eco! O Benfica não está “obrigado” a vender Atletas e só efectuará as vendas que entender convenientes! O Benfica só deixará sair algum dos seus Atletas mais valiosos se, de todo em todo, não o conseguir evitar! Viva o Benfica!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...