terça-feira, 23 de Setembro de 2014

O CAMPEÃO VOLTOU...Calem-se as más línguas:

O passado defeso foi arrasador para a mente de muita boa gente, considerando os mais cépticos, e um sorriso largo para muitos anti benfiquistas. 
Saiu quase uma equipa inteira, ficando só os “velhos” e ainda por cima comprou-se um guarda-redes também “velho”. Diziam com ar jocoso ...

Os jornaleiros de pacotilha deliravam com as aquisições dos lagartos e dos dragões extintos, enquanto se banqueteavam com a desgraça do Benfica.

Éramos um clube moribundo, sem jogadores de qualidade, pelo que seriamos fortes candidatos a um 5º ou 6º lugar. A queda seria rápida, vertiginosa e fatal.

A pré-época não correu da melhor forma - ausência de jogadores que estiveram no Mundial, encontrando-se de férias, e algumas aquisições que se verificaram -  dando assim aso a que de nós falassem, muitos em tom sorridente, como se o Benfica tivesse em vias de extinção. Tremendo erro de avaliação...

Foram Jorge Jesus, o presidente Luís Filipe Vieira, os jogadores, todos postos em causa, como se, no Benfica não se trabalhasse arduamente sempre na procura do melhor para o clube.

Saíram os jogadores que tinham que sair. Começou a época e o Benfica apresentou os seus argumentos, ainda não completos, visto que, falta a aparecer… Jonas, avançado que, acredito, vai mexer com a frente de ataque, “obrigando” a que Talisca volte a reforçar o meio campo, como muito bem sabe. Jonas está a treinar afincadamente a fim de assimilar o que é...jogar no Benfica.

Samaris e Bryan Cristante, médios defensivos, ainda vão dar muito que falar. Quando melhor adaptados e mais conhecedores da manobra da equipa e das ideias de jogo de Jorge Jesus, podem crer que são dois jogadores que elevarão o nome do Benfica a altos…voos.
Não esquecer que ainda vão aparecer Rúben Amorim, Sulejman e Fejsa, quando as suas lesões (graves) estiverem debeladas. Surgirão em grande, acredito. 
Pizzi e Tiago "Bebé", ainda não, ou praticamente, ainda não jogaram. Esperam a sua oportunidade, que acabará por surgir olhando às várias competições em que o Benfica está inserido.

Não querendo desviar-me da minha intenção, e embora deixe correr os dedos pelo teclado, perco-me a olhar para a imagem em epígrafe. Será que estou a ver/ler mal? Não é o nome do Benfica que muitos classificavam como o patinho pobre desta época, que vai à 5.ª jornada, em 1.º lugar, destacado e isolado?

Áh pois é. Dói não dói?

Claro que sei que o campeonato só agora começou e muita tinta irá correr até ao final. Mas também sei que o Benfica tem uma grande equipa e não serão os arautos da desgraça que o derrubarão de ânimo leve. 
Terão que suar as estopinhas, fazer rezas, acender velas aos diabos do além, e mesmo assim, não será fácil, ou melhor, não conseguirão vencer - fazer cair - aquele que é simplesmente o maior e mais belo clube do mundo: Sport Lisboa e Benfica.

Candeia que vai à frente ilumina duas vezes. Diz o ditado e eu acredito nele. Assim sendo, podem baixar as farpas que atiram ao Benfica, e bem de pé, olhar em frente, digam e gritem, sem qualquer receio ou pudor: O CAMPEÃO VOLTOU.

VIVA O BENFICA SEMPRE
.

domingo, 21 de Setembro de 2014

Benfica vs Moreirense

Benfica  3  * 1 Moreirense
.
Árbitro: Luís Ferreira ( AF Braga )
Árbitros assistentes: Nuno Eiras * Luís Cabral
Árbitro ( 4.º): André Narciso
Observador: Carlos Coelho
Delegados: Esmeraldo Augusto * Rui Mourinha

Transmissão: BTV1

Constituição das equipas:

BENFICA: Júlio César; Maxi Pereira, Luisão, Jardel e Eliseu; Salvio, Samaris, Enzo Pérez e Gaitán; Talisca e Lima

Suplentes: Artur, César, André Almeida, Ola John, Pizzi, Tiago, Derley.

Marcaram: Eliseu, 69m, Máxi Pereira 77m; Lima (gp) 83m

MOREIRENSE: Marafona; Paulinho, Marcelo Oliveira, Danielson, André Marques; Filipe Melo, André Simões e Vítor Gomes; João Pedro, Alex e Arsénio

Suplentes: Gideão, Anilton, Diogo Cunha, Jorge Monteiro, Cardozo, Luís Aurélio e Gerso

Marcou João Pedro: 17m

Uma 1.ª parte para esquecer. Jogadores do Benfica lentos, sem ideias, jogadas permissivas e  previsíveis, mal a defender. 

Uma 2.ª parte extraordinária do Benfica. Aumentou a velocidade, as triangulações tornaram-se mais eficazes, jogadores em movimento total, o que culminou com uma reviravolta notável no resultado
Lima finalmente, doze jogos depois, voltou aos golos. 
Muito tem lutado a fim de matar o jejum. Espera-se que o golo de hoje o lance finalmente para uma época que queremos seja brilhante

Notável o apoio dos benfiquistas presentes no Estádio e que eram cerca de 40 mil.

Mesmo a perder e a equipa a jogar menos bem, disseram presente. Louvável sem dúvida. Puxaram e de que maneira pela equipa sendo a vitória uma grande parte deles.

Derley entrou muito bem no jogo. Activo, rápido, mexeu com a frente de ataque da equipa.

Júlio César não teve muito trabalho no dia da sua estreia. Esperam-se outros jogos mais complicados a fim de aferir a sua forma actual.

Exibição super positiva de Enzo Perez. Simplesmente fantástico.

VIVA O BENFICA SEMPRE
.

.

sexta-feira, 19 de Setembro de 2014

José Mourinho: A falta de carácter numa personalidade vaidosa e arrogante.

Habituei-me ao longo dos anos a admirar José Mourinho. Grande treinador, um ganhador por onde tem passado, homem culto com curso superior.

No entanto, como todos os seres humanos menos preparados intelectualmente, existe um dia em que, se cai do pedestal. Foi o que aconteceu com José Mourinho. A mania da superioridade  cegou-o. Foi traído pela vaidade. Esqueceu-se da palavra respeito.

Disse há relativamente pouco tempo que o jogador do Benfica, Talisca, estava referenciado e só não estava a jogar em grandes clubes ingleses porque não tinha – ou não lhe haviam passado – licença de trabalho.

Talisca jogava no Bahia - Brasil. Tem 20 anos de idade.

Posto perante as declarações de Mourinho, Jorge Jesus disse: Conheciam tanto o "Talisca como eu o D´Artagnan". 

Sabemos que Jorge Jesus não é doutorado em letras. Mas sabemos que é superiormente doutorado em futebol.
No caso em concreto, nunca se referiu ao Mourinho mas sim aos Ingleses. Conheciam -  eles – plural. Não disse que conhecia D. Artagnan, mas sim o contrário.

José Mourinho, entrevistado por um jornalista da TVI, vem agora responder de forma torpe, mal educada, intelectualmente falhada,  não se coibindo de falar no seu estatuto de curso superior:

«Vou ser mais explícito para os menos inteligentes perceberem claramente. O Benfica tem boa estrutura de observação, com gente que conheço bem, um presidente ´chapeau´, por ter essa capacidade de dar ao treinador bons plantéis e bons jogadores. Mas não gostei de ouvir um colega de profissão ter duvidado das minhas palavras. 
Fico, todavia, contente por perceber que ele lê Alexander Dumas, ao contrário de mim. Limito-me a ler, quando posso, a gramática portuguesa, para um dia não me acusarem de andar aos pontapés com ela. Parece que é íntimo com o D´Artagnan, ele anda a ler Dumas. 
Eu limito-me à minha identidade. Não leio Dumas. Tenho uma vida diferente, um nível cultural diferente, procuro educar-me e procuro um dia não ser acusado de andar aos pontapés ou de andar a agredir a pobre da gramática.

- Vergonhosas palavras, acrescento eu   - 

Mourinho diz que o Chelsea já segue Talisca há dois anos o que sinceramente não acredito. Possivelmente ninguém acredita.

A má educação ou boa educação não está no "canudo" que se tira. Está sim, na personalidade e carácter de cada um. Agora pensem.

Qual a opinião dos benfiquistas sobre isto?
.

segunda-feira, 15 de Setembro de 2014

Nuno Farinha o anti-benfiquista primário


Nuno Farinha é treinador adjunto do jornal diário desportivo Record. Este jornalista escrever em 20 de Julho na sua conta no Twitter que, o jogador Talisca,  era uma banalidade como são qualquer jogador indicado por Jorge Jesus.
Cerca de dois meses depois escreve que Talisca é um grande jogador, dando os parabéns a quem o descobriu para o Benfica.
Por aqui se pode aquilatar do quanto alguns jornalistas – a ser isto verdade – esbarram na tristeza das suas próprias palavras.

Triste, muito triste.
.

domingo, 14 de Setembro de 2014

Andreas Samaris...Mais uma estrela nos Céus da Luz...

Estou habituado, pelos longos anos de benfiquista, a ver o glorioso ter exibições em dias/noites, de grande sucesso. Os chamados jogos à Benfica. 

Claro que uns mais que outros, nos ficam na retina, muitas vezes não só pelo resultado, mas também, pelas incidências do próprio jogo, novas performances de jogadores, em particular daqueles que se estreiam de águia ao peito, ou são novos no clube, desconhecendo por isso, muitas das formas de jogo, que o treinador quer na equipa.
Estou a falar no concreto no jogo de Setúbal em que o Benfica ganhou de "manita" ( 5 – 0…) ao clube local. Exibição eficaz, segura, madura, competente.

Esteve em destaque, concordo na íntegra, Talisca. Pelo que jogou, pelos 3 golos que marcou, pela alma deixada sobre o terreno, que cada vez agrada mais e merece o aplauso dos benfiquistas. Poderia e, se calhar deveria, ser esse ( Talisca ) o motivo deste meu texto. Mas não é…

Quero falar de Andreas Samaris, internacional grego, de 25 anos de idade, o qual foi uma das figuras deste jogo, não esquecendo que foi o seu jogo de estreia com o Manto Sagrado vestido.

Entrou de inicio, algo apático, mas logo sacudiu o nervosismo inicial – muitos nem notaram que existiu – pegando  no jogo de forma admirável fazendo, na minha ótica, rapidamente esquecer os nomes de Matic, que já partiu, ou de Fejsa, que se encontra lesionado, e que só voltará em Fevereiro ou Março, à competição.

Jogador fortíssimo no 1x1, tanto a defender como a atacar, confere segurança tanto ao centro do terreno como no aspecto defensivo.
Integrou-se com facilidade na manobra da equipa, ganhando quase por completo os duelos corpo a corpo, com raríssimas excepções, que é normal sempre acontecerem.

Jogou/Joga simples e eficaz. Correu durante o jogo quase 12 kilómetros ( 11,65…), o que mostra bem a sua invejável condição física e disponibilidade ao jogo, em prol do colectivo, actuando como médio-defensivo, sendo um bom intérprete das ideias de Jorge Jesus, no que concerne à manobra da equipa.

Senhor do jogo, bom controlo de bola, passe quase sempre ao 1.º toque, de forma directa e segura, tendo com destinatários preferencialmente Gaitán e Enzo Perez, fazendo com que, a equipa se sentisse positiva, com sentido de ataque, aceitando e merecendo a confiança de todos os companheiros de todos os sectores.

André Almeida encontra-se com um jogo de castigo não podendo por tal facto jogar na próxima Terça.-Feira, com o Zenit, no Estádio da Luz, para a Champions League.
Jogará certamente Samaris. Penso mesmo que jogaria sempre, mesmo que André Almeida pudesse jogar. O seu jogo eficaz e confiante, merece que essa situação, de titular na equipa, se mantenha. 

Jorge Jesus, profundo conhecedor, como pouco ou raros, na questão da avaliação de jogadores, não deixará de motivar e aconselhar Andreas Samaris, a fim de que, seja ainda melhor, em cada jogo que se seguirá.

Temos jogador. Temos equipa…O Campeão Voltou.

O que pensam os benfiquistas sobre os factos em apreço?
.

Depois de uns saborosos chocos fritos...



Nada melhor do que aproveitar um domingo tempestuoso no restaurante Benfiquista, acompanhado de tão belas e deliciosas iguarias com as graças dos nossos craques, campeões nacionais em título!

Bom Domingo a todos os Benfiquistas e VIVA AO BENFICA!

sábado, 13 de Setembro de 2014

EXCLUSIVO: A entrevista ao interveniente principal no acidente de Franco Jara!



        Esta semana foi notícia de primeira página em alguns dos nossos alegados jornais desportivos o acidente de Franco Jara, atleta a quem desejamos rápidas melhoras após o susto que viveu.

Todos nós vimos, em primeira mão, as fotos do carro preto do Franco Jara – atenção, não confundir com o carro preto que brilha na canção do Jorge Ferreira – que a nossa comunicação social orgulhosamente exibiu, parado a descansar junto ao tronco de um pinheiro, mas visivelmente desfeito.

Uma vez que o BeloVoardaÁguia não pretende ficar atrás da nossa estrondosa comunicação social, que alarvemente deu conta deste tão aparatoso acidente de forma tão bombástica, decidimos entrevistar o interveniente principal no acidente, o dignissimo carro preto de marca Ford, modelo Mustang.

 Após diversos contactos, buscas e pesquisas, o Belo Voar da Águia conseguiu descobrir o poiso do Ford Mustang, que evidentemente mantemos em segredo, por respeito à privacidade do nosso entrevistado, sendo que o mesmo aguarda com expectativa a visita da equipa de peritagem para determinação das causas do acidente, e assim receber a tão desejada alta, e recambiado, provavelmente, para a sucata.

Aqui ficam em primeira mão, as declarações bombásticas do nosso entrevistado:

Redacção (R.). – Caro Ford Mustang, antes das perguntas, o nosso obrigado pela entrevista concedida. Agora ao que interessa, diga-nos como tem conseguido gerir esta fama espontânea causada pelo acidente e divulgada pela comunicação social?

Ford Mustang (F.M.) – brrrrrrrrrrrruuuummmmmmmmm…… brummmm, brruuuummmm……

R. – Hummmm…. Está com dificuldade em desenvolver, compreendemos, as marcas do acidente são bem visíveis! Não deve ser nada fácil estar aqui completamente parado, sem ter a possibilidade de percorrer as estradas maravilhosas que o nosso país proporciona! Mas cá para nós, já tem informações quanto ao seu diagnóstico e prazo para a recuperação total do sinistro ocorrido?

F.M. – Brrrrrrrrrruuuummmmmm….. rrrrrrrrruuuuuuummmmmmmmm…….

R. – Não precisa de assim tão tímido senhor Mustang. Dê voz ao seu rugido metálico. Queremos ouvir esse motor a trabalhar. Mas já que a entrevista não está a ser tão produtiva quanto seria nosso desígnio, quer deixar uma mensagem para os nosso leitores?

F.M. – BRRRRUUUUUUMMMMMMMMMMM……. – durante a resposta reproduzida, garantimos aos nossos leitores que ouvimos um sonoro VIVA AO BENFICA, que partiu do rádio integrado no Ford Mustang, o que nos deixou deveras felizes!


Agradecemos as palavras endereçadas pelo Ford Mustang, o carro preto mais famoso de Portugal, e obviamente, um adepto indefectível do Benfica!

E Viva ao Benfica!

sexta-feira, 12 de Setembro de 2014

Setúbal vs Benfica


Setúbal  0  * 5 Benfica
.
Árbitro: João Capela ( AF Lisboa )
Árbitros assistentes Ricardo Santos * Tiago Rocha
Árbitro ( 4.º ) :Rui Rodrigues
Observador: Albano Fialho
Delegados: Albertino Galvão * Pedro Murcela

Transmissão: Sporttv1

Constituição das equipas:

V. SETÚBAL: Lukas Rader; Pedro Queirós, Frederico Venâncio, Miguel Lourenço e Advíncula; João Schmidt, Dani e Miguel Pedro; Zequinha, Giovani e Manu.

Suplentes: Ricardo Batista, Erickson, Ponce, Vinícius, Lupeta, Ney santos e Forbes.

BENFICA; Artur; Maxi, Jardel, Luisão e Eliseu; Samaris e Enzo; Salvio e Gaitan; Talisca e Lima.

Suplentes: Paulo Lopes, Lisandro, Derley, Ola John, Cristante, Tiago e André Almeida.

Marcaram: Salvio, 10 m: Talisca 38m: 43m; 54, Ola John 75m

Grande jogo do Benfica coroado com a MANITA como se diz em Espanha. Exibição muito boa de todos os jogadores, com realce para Talisca. Que grande jogo fez este jogador. Marcou 3 golos e esteve em outras jogadas de belo efeito
Temos Benfica. Confiemos que o Campeão voltou

Não escrevo mais nada. Estou orgulhoso como sempre fui por ser benfiquista. Estou feliz.

.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...