terça-feira, 2 de setembro de 2014

Benfica...Hoje é o 1.º Dia...

Sabemos que o Benfica não é um clube qualquer. Não representa o País, tanto interno como nas suas redondezas, mas sim, representa o País no Mundo/Universo desportivo.
Tem a maior massa associativa e adepta do País, quiçá inigualável por mais  nenhum outro clube no mundo. Não, não é exagero. 

O Benfica mexe com os corações das pessoas, até com aqueles que por erro do destino, não nasceram ou não, por inteligência, aprenderam a ser gloriosos, e até vaidosos por poderem livremente gritar o seu orgulho de ostentar na alma o símbolo sagrado do nosso Sport Lisboa e Benfica. Acredito que hoje será o 1.º dia de mais uma época risonha.

Somos adeptos ( e sócios) exigentes. Claro que somos. É que estamos habituados, desde sempre, a ver o Benfica passear classe através dos seus jogadores, pelos quatro cantos do mundo. Como tudo na vida, nem sempre, com maior ênfase nos últimos anos, assim tem sido.
Aconteceu o descalabro de há duas épocas que ameaçou fazer do sofrimento clubístico quase uma cruz de dorido carregar.
A direcção e equipa técnica do Benfica sentiram, talvez até mais que todos, o desespero da solidão e do infortúnio. Souberam ouvir os murmúrios de tristeza, arregaçaram as mangas, e partiram num voo, quais águias famintas, na procura dos horizontes que por esta ou aquela situação, não se havia conseguido conquistar

Formou-se uma equipa tremenda em elevada qualidade e espírito competitivo, seguindo as mesmas linhas da época anterior, mas com uma sapiência acumulada por erros que se cometeram, que também os houve.
Conquistou o Benfica tudo o que havia por conquistar a nível nacional. Fomos à final da Liga Europa, que altamente desfalcados ( Enzo Perez, Markovic, Ljubomir Fejsa, Salvio) disputámos com galhardia. 
Não ganhámos, é um facto, mas ficou em nós o sabor amargo de que o árbitro não foi totalmente isento, mormente numa grande penalidade existente sobre o Lima, que não foi assinalada, bem como, no fechar os olhos à forma como o guarda-redes do Sevilha - Beto - defendeu de forma irregular as grandes penalidades.

Estavam criadas as bases do sonho de todos os benfiquistas. Muito se festejou, muita alegria, fazendo com que as expectativas fossem elevadas ao máximo para a futura época, que está a decorrer.
Saíram jogadores importantes, tais como Oblak, Garay, Oscar Cardozo, Markovic, Siqueira ( estava emprestado), Rodrigo e André Gomes, que haviam sido vendidos em Janeiro último. 
Fejsa lesionado tarda em reaparecer, o que só acontecerá para Fevereiro ou Março próximo. 
Sem dúvida, muitas saídas deveras importantes e, algumas, muito complicadas e difíceis de colmatar.
Viu-se saírem por empréstimo Djuricic, Ivan Cavaleiro, Bernardo Silva, entre outros. Acredito que foram empréstimos pensados, discutidos, e por união de complemento benfiquista, decididos.

Desde o final da última época, e principalmente ontem, falou-se de uma forma intensiva nas saídas de Gaitán e Enzo Perez. 
Muito escreveram os sábios da escrita que Enzo Perez já estava vendido ao Valência, inclusive o treinador ( Nuno Espírito Santo) daquele clube e alguns jogadores, também desse, por palavras encomendadas ( Jorge Mendes?...) não se cansaram de desejar as boas vindas ao jogador, como se fosse um dado adquirido. O certo é que mexeu e muito com a alma benfiquista.

Sentiu-se entre os benfiquistas que o desânimo estava presente. Desejou-se arduamente e nervosamente que chegassem as 24H00 do dia 01SET2014, altura em que fechavam as compras e cedências de passes de jogadores.

Durante o dia, nos jornais e em praticamente todos os canais de notícias, falou-se mais de 1000 vezes no nome: Enzo Perez. Não quero ser mauzinho, mas chegadas as 24H00, até me pareceu ver estampado no rosto de alguns comentadores e apresentadores, o desalento por, Enzo Perez ter continuado no Benfica.

Sim meus amigos Enzo Perez não saiu, continua de águia ao Peito, tal como, Nico Gaitán, para felicidade dos benfiquistas. 
Estes jogadores sempre disseram que queriam continuar no Benfica. Sabemos que os euros são muito bonitos, necessários, e que convencem até os mais cépticos, mas a verdade é que continuam connosco.

Estas foram sem dúvidas as melhores “aquisições” do Benfica para a época decorrente, não tenhamos dúvidas algumas. Os aziagos tremeram, os nervos de desalento entraram em seus corações. Temos pena. 
O Benfica está vivo e pronto a assumir todas as suas responsabilidades e continuar a dar alegrias enormes aos benfiquistas, como enorme é o Amor que sentimos pelo clube.

Luís Filipe Vieira é um presidente que pode não ter o dom da palavra que têm ( ou não…) os catedráticos, mas uma verdade é que vive o Benfica, provavelmente 24 horas por dia.


Num esforço tremendo que sabemos o Benfica está a fazer, a nível económico, contratou vários jogadores, tais como César, Talisca, Eliseu, Júlio César, Samaris, conseguiu mais uma época de empréstimo de Silvio,  e por último Bryan Cristante ( entre outros de somenos nome…),  que embora uns mais que outros, no imediato, vêm trazer pulmão e classe ao Benfica. 
Sabemos que Rúben Amorim sofreu uma grave lesão. Voltará um dia decerto mais forte, mais robusto e ainda com maior vontade de dar o contributo à equipa, tornando-a ainda mais capaz e vencedora.

Não veio um avançado chamado de “matador”. Ao que se sabe, ou julga saber, Campbel queria vir para o Benfica. Chegou a ser noticiado inclusive que chegaria por empréstimo. O Arsenal decidiu à última hora que o jogador não sairia. Ponto final. Não se fala mais nisso.
Confiemos que, Bebé, Derley, Talisca, Lima, jogadores que jogam na frente de ataque, vão conseguir adapta-se ao clube – aqueles que chegaram esta época – assimilar as ideias de Jorge Jesus, treinador do Glorioso, e vão conseguir fazer esquecer um outro qualquer jogador que porventura agora se tenha falado

Temos um jogador muito importante para o nosso clube. De nome simples mas que tem de andar presente no coração e na Mística benfiquista. Tem o nome de…APOIO.
É um nome até engraçado mas que será talvez o “jogador” mais importante que o Benfica pode ter. Todos nós temos que ter e sentir dentro da nossa vontade e espírito, esse nome: APOIO.

Um APOIO incondicional, que tem que estar presente nas horas boas e menos boas. Claro que se pode e deve criticar. Mas saibamos criticar, pela ordem construtiva, e NUNCA pelo contrário. Quem nos regrida e puxe para o negativo já temos os anti-benfiquistas, quais serpentes venenosas que só não nos mordem a fim de nos derrubar, se todos nós formos unidos, e fizermos do “jogador” APOIO, o mair e mais eficaz na luta tremenda que vamos ter esta época contra TUDO E CONTRA TODOS.
Acredito no Benfica. Acredito na direcção e equipa técnica. Acredito nos jogadores. Acredito no “jogador” APOIO que enraizará em todos os gloriosos benfiquistas. 

Benfiquistas falem do que pensam de forma séria, isenta e personificada, como é apanágio de todos os gloriosos.

NUMA SÓ VOZ GRITEMOS BEM ALTO: VIVA O BENFICA
.


16 comentários:

  1. Carlos Pereira - Amadora02/09/14, 11:03

    Isto sim é que ser benfiquista...Um grande abraço Sr. Ricardo. É um orgulho imenso ter o Sr. como "adepto companhero" do glorioso SLB. Tudo de bom pra si.

    Um grande abraço e saudações benfiquista

    ResponderEliminar
  2. Um Artigo cheio de benfiquismo e esperança no coração de quem ama verdadeiramente o GLORIOSO.
    PERFEITO!

    Benfica Sempre.

    ResponderEliminar
  3. Enormerrimo Fundador, meu Amigo Aguia Livre,

    Grande, grande texto: parabens e Obrigado (e' sempre muito bom sentir o Benfiquismo a escorrer das palavras que tu escreves).

    Vou contribuir, humildemente, com a minha propria experiencia de Benfiquista "despreocupado" que fui ate' ha' cerca de 20 anos: comecava a perceber a genese do POLVO imundo e grosso (embora a esmagadora maioria dos Companheiros me dissessem que eu "andava a ver moscas na outra banda"), mas so' me assustei quando fomos Campeoes com salarios em atraso.

    Depois ... bem, depois foi a luta para nunca desacreditar, nem deixar os outros de bracos em baixo, aterrado ante a perspetiva de termos causado danos irrecuperaveis ao Clube que tinhamos recebido de heranca: eu olhava para os meus Filhos e dizia "a minha Mulher que nao podiamos, que nao era possivel, que nunca desistiriamos ate' o Glorioso voltar a recuperar toda a sua aura mitica e ser capaz de Honrar os Ases que Nos Honraram no passado.

    Cometemos erros?
    Sim, demasiados.
    Vamos cometer mais alguns?
    Com toda a certeza.
    Vamos conseguir entregar aos Mais Novos um Benfica Maior e Melhor?
    Ahahahahahah, GARANTIDAMENTE!

    Haja o que houver, doa a quem doer, custe o que custar ... unidos na diversidade que constitui uma das Nossas ideossincrasias ... CARREGA BENFICA!

    Viva o Benfica!
    (Jose' Albuquerque)

    ResponderEliminar
  4. Um dos textos mais belos que li ultimamente na gloriosa blogosfera benfiquista
    Viva o Benfica sem rodeios nem criticas.
    Grande abraço meu irmão Ricardo

    ResponderEliminar
  5. Sem dúvida que o APOIO tem de ser a palavra mais usada entre os benfiquistas. Temos uma equipa capaz em que em nada fica a dever à equipa da época passada, assim saibamos apoiar os nossos atletas. Grande e maravilhoso texto de um benfiquismo exemplar
    Apoiarei o Benfica sempre em cada jogo e em cada dia.

    ResponderEliminar
  6. Esta é a minha segunda tentativa para comentar!!!
    Viva o Benfica!
    Que bom podermos contar com Enzo Perez e Gaitán, mais o nosso importante APOIO!
    O meu computador tem andado «doente»,motivo pelo qual de 16 de junho em diante não consegui colocar comentários.
    Continuarei a fazer visitas
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderEliminar
  7. Boa tarde.
    Muitos parabéns, já há muito tempo que não te sentia assim tão entusiasmando.
    Um artigo belíssimo.

    Oxalá tenhamos consigamos atingir os nossos objetivos.

    Viva o Benfica.

    Gostava que me ajudassem a crescer.

    http://aguiadeluz1982.blogspot.pt/

    Obrigada

    ResponderEliminar
  8. Excelente post, por isso peço desculpa mencionar as seguintes correções:
    Markovic
    Siqueira
    Fesja
    Djuricic
    Jardel não é aquisição já era do plantel.

    Viva o Benfica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado amigo pela ajuda...Mas não estará enganado na forma como se escreve...Fesja....Não será Fejsa? ......... ( Ljubomir Fejsa )

      Erros todos damos não é verdade?

      Abraço.

      Eliminar
  9. Parabéns pelo texto Sr. Ricardo! Sem dúvida muito bem escrito e esperemos todos que o nosso Benfica continue na senda do exito.
    PS. Na questão do Enzo Perez não há a menor dúvida que ao não ter saído do Benfica embuxou muitos comentadores desportivos cá do nosso burgo, mas a saga continua e agora é ver notícias a dizer que sai em Janeiro.

    ResponderEliminar
  10. Excelente texto! As especulações sobre as saídas vão continuar...só o Benfica faz audiências e venda de jornais! Lamento não terem contratado um bom avançado...falta a finalização!

    GABY

    ResponderEliminar
  11. Grande texto Ricardo parabens via-se que estavas demasiado preocupado e todos nos com vai este vai aquele vai o Enzo vai o Gaitan vai o Salvio pela comunicacao social ia tudo mas atencao eles ficaram mas o mercado Russo continua aberto recordam-se do Wilson e o Javi froram no ultimo dia eu nem quero pensar se um stupid Zenith nos tiram mais algum jogador ate ao ultimo dia ate ao fecho do mercado Russo ainda nao estou tranquilo ate esse dia que nem sei qual e.
    Ricardo nao e demais repetir voltaste com um grande texto espero que seje para continuar a isso nos habituaste no passado mas interrompido por um problema de saude que todos nos sabemos qual pronto força amigo e viva o Benfica sempre.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva amigo Frank

      Obrigado pelas palavras amigas...Acredito que nem o Zenit nem clube nenhum mvai levar o Gaitan ou o Enzo...vão ficar a fim de nos ajudar a sermos novamente campeões. Eu acredito

      Grande abraço

      Eliminar
  12. Belo texto! Parabéns.
    O que eu me pergunto é: no meio de tantas conquistas, de tantas coisas boas, como existem benfiquistas que pegam exatamente naquele bocadinho que não resultou tão bem... E já nem falo naqueles que inventam só para dizer mal... Espero que esses leiam este teu texto e façam uma profunda reflexão sobre o que é Ser Benfiquista!

    Viva o BENFICA!

    ResponderEliminar
  13. Luz Benfiquista03/09/14, 09:24

    Maravilhoso...
    Só restando acrescentar VIVA O NOSSO SLB...Sempre!

    ResponderEliminar
  14. Luisa Martins03/09/14, 12:58

    Um artigo vibrante, com acontecimentos marcantes do nosso clube do coração, redigido por um acérrimo adepto que admiro. Não só pela sua alma poética, mas por viver as emoções ao nível do grande clube que é o Glorioso...parabéns Ricardo transmitiste fielmente uma mensagem iluminada.

    ResponderEliminar

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...