domingo, 14 de setembro de 2014

Andreas Samaris...Mais uma estrela nos Céus da Luz...

Estou habituado, pelos longos anos de benfiquista, a ver o glorioso ter exibições em dias/noites, de grande sucesso. Os chamados jogos à Benfica. 

Claro que uns mais que outros, nos ficam na retina, muitas vezes não só pelo resultado, mas também, pelas incidências do próprio jogo, novas performances de jogadores, em particular daqueles que se estreiam de águia ao peito, ou são novos no clube, desconhecendo por isso, muitas das formas de jogo, que o treinador quer na equipa.
Estou a falar no concreto no jogo de Setúbal em que o Benfica ganhou de "manita" ( 5 – 0…) ao clube local. Exibição eficaz, segura, madura, competente.

Esteve em destaque, concordo na íntegra, Talisca. Pelo que jogou, pelos 3 golos que marcou, pela alma deixada sobre o terreno, que cada vez agrada mais e merece o aplauso dos benfiquistas. Poderia e, se calhar deveria, ser esse ( Talisca ) o motivo deste meu texto. Mas não é…

Quero falar de Andreas Samaris, internacional grego, de 25 anos de idade, o qual foi uma das figuras deste jogo, não esquecendo que foi o seu jogo de estreia com o Manto Sagrado vestido.

Entrou de inicio, algo apático, mas logo sacudiu o nervosismo inicial – muitos nem notaram que existiu – pegando  no jogo de forma admirável fazendo, na minha ótica, rapidamente esquecer os nomes de Matic, que já partiu, ou de Fejsa, que se encontra lesionado, e que só voltará em Fevereiro ou Março, à competição.

Jogador fortíssimo no 1x1, tanto a defender como a atacar, confere segurança tanto ao centro do terreno como no aspecto defensivo.
Integrou-se com facilidade na manobra da equipa, ganhando quase por completo os duelos corpo a corpo, com raríssimas excepções, que é normal sempre acontecerem.

Jogou/Joga simples e eficaz. Correu durante o jogo quase 12 kilómetros ( 11,65…), o que mostra bem a sua invejável condição física e disponibilidade ao jogo, em prol do colectivo, actuando como médio-defensivo, sendo um bom intérprete das ideias de Jorge Jesus, no que concerne à manobra da equipa.

Senhor do jogo, bom controlo de bola, passe quase sempre ao 1.º toque, de forma directa e segura, tendo com destinatários preferencialmente Gaitán e Enzo Perez, fazendo com que, a equipa se sentisse positiva, com sentido de ataque, aceitando e merecendo a confiança de todos os companheiros de todos os sectores.

André Almeida encontra-se com um jogo de castigo não podendo por tal facto jogar na próxima Terça.-Feira, com o Zenit, no Estádio da Luz, para a Champions League.
Jogará certamente Samaris. Penso mesmo que jogaria sempre, mesmo que André Almeida pudesse jogar. O seu jogo eficaz e confiante, merece que essa situação, de titular na equipa, se mantenha. 

Jorge Jesus, profundo conhecedor, como pouco ou raros, na questão da avaliação de jogadores, não deixará de motivar e aconselhar Andreas Samaris, a fim de que, seja ainda melhor, em cada jogo que se seguirá.

Temos jogador. Temos equipa…O Campeão Voltou.

O que pensam os benfiquistas sobre os factos em apreço?
.

8 comentários:

  1. Caro benfiquista, concordo em absoluto com a tua análise. O rapaz cheira a 6. Posição esta que de há uns anos para cá parece amaldiçoada, ou seja, 1º tivemos dificuldade em arranjar bons 6, depois é sempre um problema arranjar o substituto do titular que entretanto foi vendido.
    Saudações Vermelhas!!!!!
    Rogério

    ResponderEliminar
  2. Luisa Martins14/09/14, 16:44

    Apesar de ser mulher, tenho alma gloriosa e faço por estar sempre a par dos acontecimentos do nosso amado clube.
    Após ler a tua cronica, bem elaborada e com análise perspicaz à participação desta última aquisição do SLB, digo que concordo contigo.
    Talisca reinou e foi a sua noite, mas Samaris já deixou a sua marca.
    Esperamos que o seu carisma dê frutos e contribua para que o SLB alcance o mesmo triunfo da época passada.

    ResponderEliminar
  3. Completamente de acordo, e mais: Samaris jogou melhor que Talisca. Sei que é dificil que um jogador que marca três golos não seja o homem do jogo, mas, se bem se lembram, falhou várias bolas à boca da baliza por chegar atrasado. Samaris não teve falhas. Parece que toda a vida jogou naquela equipa. Fenomenal.

    ResponderEliminar
  4. Pelo que custou deve ser um fora de série para o nosso campeonato. E contra o Setúbal não é teste, aquilo mais parecia uma equipa de pernetas.

    ResponderEliminar
  5. Oi ...AL
    Parabéns pelo poste !...gostei.
    Olha o Benfica surpreendeu-me pela positiva ,fiquei toda orgulhosa que o Campeão depois de vender quase metade da equipa,se apresente com este speed .Adorei.......................
    Temos jogadores novos de 1ª qualidade.(Cristante )(Talisca)(Samaris),não quero elogiar nenhum jogador em particular pois toda a equipa deu show de bola.
    AMO-TE BENFICA e isso me ENVAIDECE

    ResponderEliminar
  6. Eu já baptizei o Samaris de "O Espartano"!

    O futuro dará-me razão... ;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo
      Seja Espartano mas entre eles o mais bravo foi Leónidas!!!!
      Pois que se chame Leónidas

      Eliminar
  7. Excelente Texto....Ao mais alto nível

    Estou convencida que temos uma equipa de boas Pérolas, que vamos ter uma época de muitas alegrias, temos que apoiar sempre e acreditar... Tenho muita fé nesta equipa...
    E já o mostraram na sexta feira.
    Gostei do texto

    VIVA O BENFICA

    ResponderEliminar

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...