quarta-feira, 10 de abril de 2013

Nicolas Gaitán – Um talento rebelde



Não vislumbro a época temporal em que o futebol perdeu a beleza da emoção e paixão do jogo pelo jogo, mas os anos 90 constituíram, para mim, uma evolução na forma de ver o jogo e da primazia da equipa sobre os jogadores mais dotados tecnicamente. E o jogo feito de arte, inspiração e emoção transformou-se num jogo racional, defensivo, cujo resultado é o objectivo primordial.

   E assim os jogadores a quem era atribuída a camisola com o número 10 desapareceram, os jogadores românticos deram lugar a máquinas de alto rendimento e os adeptos exigem conquistas, em prol de conceitos elevados a pura ciência e não disponíveis à maioria dos mortais.

   É neste contexto que surge um homem que nasceu fora do seu tempo e cujo talento faria as delícias dos adeptos românticos, apaixonados pelo jogo apenas pelo jogo: Nicolas Gaitán! Diversos escribas já afirmaram que se o futebol não tivesse preocupações defensivas, Gaitán valeria a sua cláusula de rescisão, o que para mim diz tudo sobre o talento e a classe que reside em Nico.

   O jovem argentino traz no sangue o encanto do tango – irresistível, irreverente, belo, provocador e rebelde – e o seu futebol reflecte isto mesmo. Arrisco mais, o seu futebol é proibido para imensos adeptos.

   Acusado de ser displicente, preguiçoso, de desprezo pelas funções defensivas e colocar a equipa em constante perigo por suas perdas de bola, Nico irrita às massas, provoca blasfémias nos adeptos e lamentações pelo desperdício de talento. Mas não compreender que Gaitán é isto, é não compreender o génio que existe nele. 

   Na primeira vez que tocou na bola, o seu toque fascinou-me, e sou defensor deste jogador habilidoso e tecnicista.
Mas sempre tive receio que não conseguisse vingar em Portugal fruto do seu perfil atlético – jogador franzino e macio para as defesas intratáveis que temos quando jogam contra o Benfica. Relembro as primeiras declarações de Nico, onde o mesmo afirmou que não estava habituado a um futebol tão faltoso.
Mas a sua evolução tem sido interessante. Após uma época de estreia em que prometeu, a 2º época de águia ao peito fez disparar a insatisfação dos adeptos perante o jogador, sendo que os mesmos muitas vezes reclamaram a venda do jogador por “tuta e meia”.
Actualmente, livre de lesões, com a cabeça fresca e a jogar mais vezes perto da sua posição de origem, Gaitán demonstra ser um elemento imprescindível na dinâmica do actual Benfica.

   A recepção de bola em Nico é fantástica, as tomadas de decisões – expressão muito em voga actualmente – são imensas ( algumas disparatadas, é verdade), é um quebra-cabeças para qualquer defesa e consegue desequilibrar um jogo a favor do Benfica.

   Mas acima de tudo, Nico é um rebelde vagabundo, cuja alegria está em explanar o seu futebol vistoso, de passes arriscados, de fintas sem fim e criar nervos nos adeptos, de não aceitar as imposições, as regras do futebol em prol da lembrança do futebol arte cujo expoente máximo é a emoção do jogo que alimenta os adeptos.

   Não sei se Nico Gaitán atingirá o reconhecimento devido no estrelato do futebol, mas fico feliz por o ver a vestir o nosso manto, por transportar-me para as memórias de infância e futebol de rua, onde aspirávamos ser aquele miúdo talentoso que fintava todos os outros e introduzia a bola na baliza!

   Cito Iniesta para finalizar: “ Nos espaços pequenos, temos que encontrar uma saída, sempre diferente da anterior ocasião, ser previsível é perder. Há que tentar coisas novas, há que arriscar!” Gaitán é isto….

   Gaitán é um talento rebelde que me encanta e que conto que seja fundamental para as cinco finais que faltam! 


Força Benfica!

*
Escrito por : O.S.H.
*

10 comentários:

  1. Águia de Luz10/04/13, 15:06

    Nicolas Gaitán
    Um jogador de muita categoria e classe.
    Uma pérola Rebelde, mas com muito luxo.

    ResponderEliminar
  2. Rute Trigueiro10/04/13, 15:11

    Um verdadeiro craque que nos orgulha em vestir o Manto Sagrado

    ResponderEliminar
  3. Jose Albuquerque10/04/13, 17:49

    Enorme OSH, Companheiro,

    Felicitacoes pelo excelente texto, bem a altura desta data tao especial para OBELOVOAR.

    Eu sou um indefectivel apoiante do Gaitan e faz-me sempre 'falta' quando o vejo no banco, ainda que compreenda que ele nao pode ser sempre titular.

    A primeira vez que vi o Di Maria (pela TV e num Mundial de sub-20 no Canada), levantei-me da cadeira ao ve-lo 'parar' um passé em balao de uns bons 50 metros, como se tivesse 'cola' na chuteira e disse para os meus botoes ... "quando chegara o dia em que poderemos ter um 'artista' deste nivel na Equipa?".

    Foi-se o Di e chegou o Gaitan (nao quero fazer comparacoes, ahahah) e eu fiquei radiante ao verificar que voltavamos a ter outro Atleta que 'tem uma terceira mao, no lugar do pe esquerdo'.

    A criatividade do Gaitan so e possivel de ser transformada em futebol pela tecnica absolutamente perfeita que ele exibe. Para mim, modestamente, futebol sem criatividade ... so na alemanha.

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  4. Sou apreciador do futebol do Gaitán. Quando em dias sim é fabuloso.

    Dizem que sai no final da época. Oxalá que não e se mantenha de águia ao peito

    ResponderEliminar

  5. Quando desaparecerem os jogadores como O GAITAS certamente a minha paixão pelo futebol desaparecerá e mesmo quando na epoca passada muitos o ostraciZaram eu sabia que ele regressaria.

    Poucas vezes joga na sua posição já que realmente o futebol de hoje não gostas de jogadores como O GAITAS mas estou certo de que quando aí se fixar será um regalo desfritar do seu enorme talento.

    Para mim é criminoso obrigar O GAITAS andar atrás de pernas de pau.

    ResponderEliminar
  6. Da Velha Guarda10/04/13, 22:52

    É o chamado talento puro, muito acima da média. Curioso tem sido o trabalho que o treinador tem conseguido esta época a fazer dele distribuidor de jogo o tal 10, fico com a impressão que joga melhor no miolo, alterando pelas laterais. Na próxima época com a tesouraria a pedir reforço e as propostas a aparecerem, não sei o que vai acontecer!Mas que o Gaitas é um talento, parece-me que ninguém põe em causa.

    ResponderEliminar
  7. Frank Canada10/04/13, 23:37

    Gostei dele no primeiro ano,nao gostei no segundo,e estou gostando no terceiro claro que e um talento mas tem que ser mais consistente.

    ResponderEliminar
  8. Gosto de Nicolas Gaitán,um miúdo talentoso, aliás a equipa do Benfica está recheada de pérolas talentosas ao mais alto nível!! Era bom que nenhum deles saísse no final da época... Digo eu......porque se não saísse nenhum, na próxima época seria ainda melhor que esta...Tanta coisa que haveria para ganhar!? lool... (pois, mas isto digo eu que não entendo nada)) loool

    Viva o Benfica

    ResponderEliminar
  9. Para mim o NICO GAITÁN é simplesmente GENIAL! Acho que não consigo adicionar-lhe outro adjectivo.
    maria

    ResponderEliminar

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...