domingo, 13 de março de 2011

Como é que o crac vai conseguir chegar à final da Taça de Portugal?

Ora pensem lá um bocadinho e concluirão que só há duas hipóteses: ou o BOI apintador inventa três expulsões e três penalties contra o Glorioso, ou … ou?

Todos sabemos que há um belíssimo conjunto de apintadoresolarápio, só ares dias, soiza, xistralhadas e baptista, entre outros, com méritos mais do que bastantes para cumprir tal proeza (desde que em troca de um envelope bem vazio e com umas notas lá dentro) e se bem coadjuvados por um par de cardinais desta vida, mas também sabemos que uma tal encenação, apesar de possível, correria o risco de assumir as proporções de um tsunami que ultrapassaria as fronteiras desta vergonha à beira mar plantada.

Assim sendo, resta-lhes uma alternativa. Qual é ela, qual é ela?

Até ao final do dia do desafio da segunda mão da meia final da Taça de Portugal, o Glorioso Sport Lisboa e Benfica e a Benfica SAD terão de manter um discurso e uma atitude institucionais absolutamente impecáveis, mesmo que isso obrigue o Nosso Presidente da Assembleia Geral a regurgitar mais alguns sapos. Até esse momento, todos os incidentes que sobrevenham, do tipo tipicamente cobardolas, terão de ser tratados como casos de policia.

Depois de dia 19, então veremos o que há a fazer.

Viva o Benfica!

PS: hoje aprendi mais uma lição de História com o Enormíssimo Miguens (no EMDEFESADOBENFICA) e fiquei a saber que o salazarismo concedeu “utilidade pública” ao crac trinta e dois anos antes de o ter feito a outros clubes, entre os quais o bicampeão europeu Benfica. E esta, hein?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...