sexta-feira, 16 de julho de 2010

Jorge Jesus - Cautela e ... Silêncio

Toda a vida ouvi dizer que o silêncio é a alma do negócio. Isto para aqui deixar um conselho ao treinador do meu clube.

Caro Jorge Jesus.

O futebol português está infestado de “baratas” nascidas de um ninho existente junto à Ribeira ali para os lados do Porto.
Nascem do tijuco como pestíferos vermes.
Na época desportiva que se vai iniciar essas “baratas” vão eclodir e aparecer em todos os locais onde estiver a equipa do Benfica. Umas vestidas de negro, outras de amarelo, outras ainda de uma outra cor qualquer.
Essas “baratas” vão atacar por todos os lados, visto que, se aquele ninho de maribondos e perigosas arapuás, não ganharem o próximo campeonato, é como aparecer um Raid que as esmagará, exterminará e enviará para os infernos da desgraça para todo o sempre.
Por isso, fala com os nossos jogadores, incentiva-os para voltarmos a ser campeões, mas não venhas para a praça pública dizer que o vamos ser. Vamos dizer isso com convicção mas para dentro de nós, ou seja, para o interior do nosso balneário.
Quem promete títulos até a defuntos é um tipo, como alguém já escreveu, velho, careca e rico, e nós somos totalmente o inverso desse homúnculo vegetativo .

Não dês trunfos e quem só merece cartas de valor zero

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...