segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Os “trios” nas Tv´s

Uma vez mais, voltou a estalar o debate Benfiquista sobre a treta dos programas ditos “desportivos” nas televisões, sobre se os nossos Companheiros (o Enorme Sílvio Cervan e os outros dois) deveriam, ou não, neles participar, se o Glorioso deve, ou não, permitir que um seu Vice Presidente tenha que engolir aquelas ofensas disformes, ou, até, se a Nação Benfiquista se deve permitir dar audiências a coisas tão reles.

Surgem argumentos para todos os gostos, ora contra ou a favor e confissões dos mais fanáticos e assíduos espectadores, ou Companheiros que, como eu, pura e simplesmente se recusam a assistir a tais coisas, até em legítima defesa da própria sanidade mental (que, no meu caso, está dada por muitos como … débil, ahahah).

O texto do General Viriato de Viseu, deu, aqui n´OBELOVOAR, o mote necessário para me fazer pensar sobre o tema e ter vontade de botar “faladura” (ou será fala dura?) sobre o assunto.

Sinceramente, eu sou dos que divido os portugueses em três grupos: nós, os Benfiquistas, “eles”, os antibenfiquistas e os outros, os que, ou por serem adeptos de outros clubes, ou por não terem simpatia clubista, ficam … de fora. Poderei estar a ser simplista, mas sei que estou longe de ser estúpido (ou cego e surdo) e esta triste realidade entra-nos pela vida adentro!

Não podia ralar-me menos com o que “eles” dizem, seja de quem for e muito menos do Glorioso. Houve tempo (lá no rascord), em que me divertiam os seus vómitos, mas esse divertimento não resistiu à erosão da falta, até, de imaginação de que “eles” dão sistemáticas provas.
São sempre a mesmíssima coisa: ele é o andor, ele é a falência, ele é o Presidente que é amigo do D. Cor(no)leone e ele é a série de flops. Bem esmiuçadinhos … ficam-se por isto.

Talvez por isso mesmo, sinto nos meus ossos que os tais programas de TV, que se resumem a uma cadeia insana, mentirosa e sempre baseada em imagens intencionalmente seleccionadas, em que 3 bestas (umas vezes chegam a ser 4) se masturbam na desonestidade intelectual de fingir que atacam o Glorioso, acabam por os prejudicar … a “eles”.
É tal o exagero, tal a miséria intelectual e tamanha a falta, até, da mais elementar educação, que aquelas “banhadas” de atrasados mentais para débeis mentais só podem, no caso de um espectador com uma réstia de bom senso, resultar numa opção que os renega … a “eles”

Então porquê dar-lhes importância? Porquê escrever sobre isto? Se soubermos que, na casa ao lado, estão dois (ou 3) “deles” a vomitar a sua ignomínia, será caso? Valerá a pena? E se isso suceder numa TV, o caso já muda de figura?

Talvez … e por causa da nossa BenficaTV!
Como? Por causa da nossa Gloriosa BenficaTV, a Casa Universal do Clube? Exactamente! Ora vejam …

Temos o “Em linha”, o “Debate”, o “Em defesa do Benfica” e o já famoso “45 minutos”, quatro lanças apontadas ao centro do POLVO, dos jornaleiros e avençados, das cumentadeiras e de todos os outros antibenfiquistas. São quatro programas a que todos nós queremos assistir … sempre, certo?
Então o Ricardo Palacin que os alinhe aos “trios” (assim como quem inventa a marcação “programa a programa”, ahahah) e veremos por quanto tempo “eles” continuam a aproveitar oportunidades para driblar os Benfiquistas.
A BenficaTV tem de ser a Casa Universal de todos nós! Estes quatro programas têm de ser vistos (e participados) por nós todos! No dia em que esses dois objectivos forem cumpridos, no dia em que a esmagadora maioria dos Adeptos assistirem a essas quatro pérolas da BenficaTV, nesse dia os “trios” passam a ser simples conversas em estúdio, coisa assim para o intimista, meio secretos, ahahah.

Viva o Benfica!
................
Escrito por: José Albuquerque

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...