segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

"MOLA"

Esta “mola”? Também … somos Nós!

O que é o Benfica? Somos Nós e há anos que ninguém duvida disso!

Somos Nós que dirigimos o Glorioso e o Grupo Benfica (mesmo com a ajuda do melhor Sportinguista das últimas décadas, ahahah), somos Nós quem faz os programas da BenficaTV e os artigos que publicamos n´O Benfica, na Mística e na Gloriosasfera, somos Nós que enchemos os estádios do país e, até, damos a sobrevivência aos mérdia. Somos Nós, sempre Nós: somos Nós nas vitórias, tal como quando não conseguimos vencer!

Tal qual fomos Nós que nos deixámos enganar pelo “do boné” e pelos “4 pintos”, Nós que, esquecendo a nossa Gloriosa História e os Valores de que somos Depositários, gerimos mal o Glorioso e durante demasiados anos, quando fizemos num dia … menos que na véspera. Permitimos que alguns de Nós, se aproveitassem de todos Nós e, ao fazê-lo, abrimos as brechas da desunião, dando lugar a que, outros, fizessem, mal e porcamente, o que a Nós nos compete. Distraídos na nossa memória, fomos ao ponto de não ver o que já nos causava dor e, em desespero, omitimos quem somos – Nós, o Benfica, para confiarmos em “Messias”. Fomos Nós, Companheiros, sempre Nós, quem caminhou direito ao abismo. O Benfica que somos Nós, esta imensa mole popular lusófona, esta mola cuja força tinha levado tudo à frente nos anos 60, esta mola que se fazia pomba branca e intervalava a inconcebível guerra, esta mola com a qual, mesmo mergulhado na noite escura, Portugal (o Portugal de 1 de Dezembro) ainda cantava, essa mola que, pela ausência de Nós … enfraqueceu, apequenou, até quase partir.

Tal como fomos Nós quem, já neste milénio, decidiu dizer … BASTA! Fomos Nós quem, reassumindo as responsabilidades Benfiquistas e Patrióticas que herdámos dos Mais Velhos e a nossa Gloriosa História, soubemos meter pés e mãos ao caminho e ao trabalho. E, como sempre, fomos Nós que, cantando, reconquistámos a autoconfiança e construímos o futuro, reconstruindo … esta mola, esta mola que somos Nós!
Esta mola que reaprendeu a gerir bem o Glorioso (as acções da BenficaSAD, aquela de quem avençados e amestrados dizem estar “falida”, neste último ano de crise, viram o mercado valorizá-las em +21%, contra os +5% da média dos clubes europeus cotados em bolsa e a desvalorização, em cerca de 5%, das barracas listadas “verdazuis”), gerir bem quer economicamente, quer do ponto de vista desportivo (basta ver como, ao contrário de outros tempos, já fazemos a maioria das novas contratações … ainda antes de abrirem as “janelas”).
Esta mola que, mesmo sem conseguir que se fizesse Justiça, fez com que os BOIS tivessem nomes e o POLVO focinho! Esta mola, impressionante, que vai pressionando avençados e amestrados para o ridículo daquilo a que chamam “argumentos”, tal como pressiona a BOIADA a respeitar, cada vez mais vezes, as Leis e Regulamentos e tal qual pressiona as portas dos estádios deste país, esses estádios onde, antes, se ouviam os que gritavam pelas parideiras e, agora, se ouve … SLB……, SLB……., SLB, SLB, SLB, …… GLORIOSO SLB, ..... G L O R I O S O S L B.

É com esta mola que não pode a metanóia e, sentindo como ela se lhe crava e como o empurra, leva o D. Cor(no)leone a apelar a mortos e a sujos, a choramingar ao governo do país que envergonhou e, agora, a já se autoflagelar.

É, corrupto infame! É, bandido sem vergonha! É, aldrabão cobarde! É a mola que te vai sufocar, desgraçado!

Somos Nós!

Viva o Benfica!
..............
Escrito por: José Albuquerque

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...