quinta-feira, 29 de maio de 2008

A indiferença dói. Porquê existir?!

Sei que a fama quando bafejada com euros torna muitas pessoas insuportáveis.
Mas, ainda sou do tempo em que, um sorriso, um levantar de braço, fazia toda a diferença.

Refiro-me em concreto à grande maioria (se não a totalidade) dos jogadores da selecção nacional de futebol.
Em Viseu, em Neuchatel, ou em qualquer parte do mundo, onde passem ou estejam, são milhares de portugueses que, perdem dias de trabalho, dias de folga, adiam e/ou cancelam compromissos anteriormente assumidos, mandam às malvas muitos e muitos prazeres e afazeres da vida, só para os saudar, incitar, dar-lhe uma palavra amiga.

Acontece que, OS SENHORES RICOS, se passarem de autocarro, por vezes têm a distinta lata de virar a cara para o lado, nem um sorriso, nem um aceno de mão, nem um levantar de um braço.
Não falo em dar autógrafos. Apenas falo num simples sorriso ou saudação.

Se passam a pé, então é a VERGONHA MAIOR.
Cabeça no chão, olhos tapados pela caraça de uns óculos escuros, sorrisos nem vê-los, saudação nem pensar.

Saberão avaliar os vaidosos jogadores portugueses a mágoa que deixam no coração daqueles milhares de portugueses que nada lhes pedem que não seja apenas um sorriso ou um aceno do levantar de um braço?

Os jogadores portugueses sem essas e outras pessoas iguais, não são nada.
Essas pessoas são a índole, o bom, o coração de Portugal.
Essas pessoas idolatram-nos, adoram-nos, chamam pelos seus nomes, para receber como prémio a sua …INGRATA INDEFERENÇA.

Scolari apela à união portuguesa em prol e incentivo à nossa selecção.

- Não seria de boa norma começar por ensinar aos jogadores o que é o coração nacional?
- Não seria de boa doutrina dizer aos jogadores os quantos sacrifícios que tantos e tantos adeptos fazem no dia a dia para os apoiar para deles receber o “pagamento” que recebem?
- Os jogadores em vez de fazerem vídeos do mais ridículo que já vi, tais como o do Nuno Gomes, Koresma ou Nini, não seria mais bonito fazerem videos de agradecimento e elevação às milhares de pessoas que os seguem, aplaudem, veneram, e desses nada recebem para além de anodinia?

E não me venham dizer que um sorriso ou um aceno/saudação cansa os jogadores.
Que não faziam outra coisa se o fizessem e outras desculpas esfarrapadas que tais.
Por amor da minha ignorância, não serei capaz de o entender.

A simplicidade é inimiga da arrogância. Os euros inimigos da lhaneza.
Nada me resta, para além de desabafar a minha tristeza, que dizer:

INGRATOS

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...