quarta-feira, 21 de maio de 2008

E esta heim?


Companheiros de tertúlia

Leiam com atenção esta noticia do C.M. ( Não riam ainda )

Leandro afinal... é George


= = = O FC Porto descobriu, "após" várias "diligências", que o seu atleta Leandro Lima, afinal, não "trocou" apenas a idade que tinha quando assinou o contrato com o clube: trocou também o próprio nome.
O prometedor jovem brasileiro – nasceu no dia 9 de Novembro de 1985 e não em 19 de Dezembro de 1987, como constava dos documentos que apresentou – que o FC Porto utilizou na época finda em 16 jogos (provas oficiais) não se chama, afinal, Leandro Lima, mas George Lima, situação que, sabe o CM, provocou um pequeno terramoto burocrático no clube (alterações ao contrato, novos ficheiros, etc.) e ,sobretudo, na Liga e na Federação.
O nome do jogador é, agora, George Leandro de Abreu Lima. O pior é que, de acordo com algumas fontes contactadas pelo CM, no Brasil, um Luís Leandro e um George Leandro podem ser duas pessoas diferentes, por exemplo dois primos. Um com jeito para jogar à bola, outro não.
Com a descoberta, o FC Porto requereu à Liga "o averbamento de um aditamento ao contrato de trabalho celebrado com o atleta Leandro Lima […] o qual se veio a apurar se chama efectivamente George, etc.", dado que, por "um aditamento rectificativo (sic), no contrato de trabalho desportivo, se corrigiu a sua identificação".
Mas a inscrição e licenciamento de um atleta só se tornam definitivos com a decisão final dos órgãos competentes da Federação. Na Liga o que havia era o registo provisório do jogador.
Mas as coisas foram ultrapassadas: um despacho da directora-executiva da Liga, Andreia Couto, deferiu provisoriamente o requerimento do FC Porto, alterando assim o registo provisório do jogador brasileiro, entretanto já transformado em registo definitivo, na Federação = = =.
........................................
Mais:


12 JOGOS OFICIAIS


Leandro Lima, com este nome, registado pela Liga e licenciado pela FPF, fez 12 jogos durante a época 2007/08 pela equipa principal do FC Porto. E ainda esteve mais quatro jogos no banco, o que tem as mesmas consequências regulamentares.


CLUBE SEM PENA?


Apesar da utilização irregular de Leandro – o jogador já foi punido com uma suspensão de seis meses pela Comissão Disciplinar da Liga – o FC Porto passa impune pela situação.


JOGOU NA CHAMPIONS


Irregularmente inscrito, Leandro Lima fez oito jogos para a I Liga, um para a Supertaça, um para a Taça da Liga, um para a Taça de Portugal e dois para a Champions.


PROVISÓRIO/DEFINITIVO


Sete meses depois, a Liga reformou, a pedido do FC Porto, uma inscrição provisória que, entretanto, já era definitiva na FPF.
.......................
- O que dizer desta trafulhice?
- Imaginem que este caso acontecia com o Benfica?
- Quem calava os andrades?
- Quem calava Pinto “O Suspenso”?


Diga quem souber.


Não sei de o Portoregional tem culpas ou não. O que sei é que um jogador chegou com uma determinada idade ao Dragoncorrupto, e numa visitinha rápida ao brasil, veio mais velho dois anos e com outro nome, um nome que já tinha, mas que não tinha, mas afinal tinha.


Ou seja: Jogou o Leandro e agora aparece o George, que são a mesma pessoa, só que um já tem rugas e outro não, que caso algo de problemático aconteça, diz que nunca jogou e assunto encerrado. lol.
E o Portoregional não tem qualquer responsabilidade nisto?
Definivamente, não tenho capacidade intelectual para entender os corruptos ou actos de corrupção ou seja lá qual o nome que queiram dar às ... vigarices.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários Anónimos - ou outros - menos respeitosos para com este blogue benfiquista e/ou para com outros comentadores, serão eliminados, sem prévio aviso. Obrigado.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...